CSA vence com um gol de Hugo Cabral e chega a 34 pontos na Série B

O CSA foi melhor em campo, tentou, tentou o gol, mas foi sofrido. Ele só saiu no finalzinho, aos 37 minutos do segundo tempo, de cabeça, com Hugo Cabral, levantando a torcida azulina e garantindo a vitória por 1 a 0. Válido pela 19ª rodada da Série B, o jogo foi disputado no Estádio Rei Pelé, na noite desta sexta-feira, 3.

Veja como foi a partida em tempo real!

Com essa vitória, o CSA passa a 34 pontos, mesma pontuação do líder Fortaleza, mas segue na vice-liderança por causa do número de vitórias (10 contra 9). E o Juventude é o 13º colocado, com 24 pontos.

O próximo compromisso do CSA, na 20ª rodada, será contra o Goiás, na sexta-feira, 10, no Estádio Olímpico, às 19h15. E o Juventude vai receber o Figueirense, no sábado, dia 11, no Alfredo Jaconi, às 19 horas.

Como foi

O CSA entrou em campo com o uniforme branco com detalhes em dourado, em homenagem ao Agosto Dourado, mês de conscientização da importância do aleitamento materno. E começou o jogo indo ao ataque, enquanto o Juventude só de defendia. E o Azulão teve uma grande chance de abrir o placar no primeiro minuto e meio de bola rolando, quando Xandão, após cobrança de escanteio, deu uma cabeçada, no canto direito do goleiro Douglas Silva, que se esticou todo e fez a defesa.

Didira teve um papel tático importante na partida

FOTO: AILTON CRUZ/GAZETA DE ALAGOAS

O Juventude só chegou ao ataque aos 8 minutos. Conseguiu um escanteio e na cobrança a defesa do CSA não conseguiu cortar e Bertotto deu o toque por cobertura, mas a bola encobriu a meta do Azulão e foi para fora.

Aos 14 minutos o CSA chegou. Mandou outra bola por cima do travessão do Juventude, quando Alemão deu voltando para Celsinho que, dentro da área gaúcha, soltou o pé e desperdiçou mais uma boa chance azulina.

O Azulão seguia melhor e mandava no jogo, apesar de ter diminuido a pressão inicial; enquanto o Juventude, jogava nos erros do adversário. E aos 22 minutos chegou: Guilherme Queiroz chutou com perigo, de fora da área, e a bola passou bem perto da trave.

Aos 30 minutos, foi a vez do CSA, quando Didira recebeu a bola dentro da área do Juventude e cruzou, Taiberson finalizou para o gol, mas o assistente marcou impedimento do ataque azulino.

Aos 43 minutos, mais uma chance perdida pelo Azulão. Na área do Juventude, Didira cabeceou para baixo e obrigou goleiro Douglas Silva a fazer defesa parcial, mas Daniel Costa não aproveitou o rebote.

Etapa final

O 2º tempo iniciou com o CSA todo no campo de ataque. Era jogo de um time só. Aos 13 minutos, em cobrança de falta, Rafinha soltou a bomba, mas o goleiro Douglas fez uma grande defesa.

O Azulão tentava o gol, mas não passava pela marcação do Juventude. Aos 20 minutos, em mais uma cobrança de falta, Daniel Costa mandou a bomba, mas só conseguiu um escanteio.

O Juventude respondeu aos 23 minutos, dando um susto na torcida azulina. Yuri Mamute foi lançado, mas Lucas Frigeri saiu do gol e ganhou do atacante. O Juventude começou a levar perigo e quase abriu o placar aos 35 minutos. Yuri Mamute, de novo, apareceu do lado esquerdo e chutou forte, assustando o goleiro azulino.

Azulão buscou mais o ataque e no fim da partida foi premiado com o gol da vitória

FOTO: AILTON CRUZ

Mas quem não faz leva. E quem fez foi o CSA. Aos 37 minutos, o Azulão pressionou dentro da área do Juventude, Rafinha se livrou da marcação e mandou a bola na cabeça de Hugo Cabral, que tinha entrado no segundo tempo e apenas subiu para fazer: 1 a 0. Placar final.

Detalhe que antes de a bola rolar Leandro Souza foi homenageado. É que contra o Avaí o zagueiro chegou à marca de cem partidas com a camisa do Azulão.

CSA: Lucas Frigeri; Celsinho, Leandro Souza, Xandão e Rafinha; Yuri, Juan (Hugo Cabral), Daniel Costa (Dawhan), Taiberson (Pingo) e Didira; Alemão. Técnico: Marcelo Cabo.

Juventude: Douglas Silva, Vidal, Rafael Bonfim, Fred e Maurício; Diones, Bertotto, Denner (Bruno Ribeiro) e Leandro Lima (Caio Rangel); Pará (Yuri Mamute) e Guilherme Queiroz. Técnico: Julinho Camargo.

Tempo real de Francisco Cardoso

Ailton Cruz
Fonte:gazetaweb