Olavo desiste de disputar presidência da Assembleia Legislativa

Calheiros teria apoio de apenas cinco deputados, o que inviabiliza candidatura

O deputado Olavo Calheiros desistiu de disputar a presidência da Assembleia Legislativa (ALE), cuja eleição acontece no dia 1º de fevereiro, mesma data da posse dos novos deputados, eleitos em outubro passado. O parlamentar comunicou a decisão ao grupo que apoia seu nome para a gestão do Legislativo, sem dar muitos detalhes que levaram à decisão.

No último final de semana, um grupo de 22 parlamentares se reuniu na residência do deputado Bruno Toledo, no qual fechou questão em torno do nome do deputado Marcelo Victor para presidir a Casa. Com isso, ficou claro que Calheiros contaria com apenas cinco votos, número insuficiente até mesmo para a formação da Mesa Diretora da ALE.